Entregamos em todo o Brasil

Frete grátis SP e grande SP para compras acima de R$ 300,00

3x sem juros no cartão para compras acima de R$ 500,00

5% de desconto à vista no boleto ou depósito, exceto nos
produtos em Oferta

Filipa Pato Bical e Arinto 2015

Mais Imagens

Filipa Pato Bical e Arinto 2015

Disponível: Em estoque

Aromas de mineral com notas de lima característica da casta Arinto e certo cremoso dado pelo Bical, Paladar elegante e encorpado mantendo uma boa acidez, densidade e estrutura características de um grande vinho branco das grandes regiões de solo calcário.
750ml
R$99,90
ou em até 3x R$ 33,30 sem juros no valor total de compras acima de R$ 500,00
Opções Adicionais
OU
Sobre o produto

Detalhes

Esse vinho orgânico é pressado suavemente, o mosto fermenta metade em cascos de carvalho Allier grão fino, e o restante em cuba inox.

Aromas: de mineral com notas de lima característica da casta Arinto e certo cremoso dado pelo Bical.

Paladar: Elegante e encorpado mantendo uma boa acidez, densidade e estrutura características de um grande vinho branco das grandes regiões de solo calcário.

Harmonizações: Frutos do Mar, Pescados, Saladas.

Premiações:

  • 2006 - Filipa Pato Ensaios – Robert Parker – 84 Pontos;
  • 2008 - Filipa Pato Ensaios – Robert Parker – 84 Pontos;
  • 2009 - Filipa Pato Ensaios – Robert Parker – 90 Pontos;
  • 2012 - 93 pontos na Decanter.
Ficha técnica

Ficha técnica

Tipo de Vinho Branco
Tipo Gustativo Seco
País Portugal
Região Bairrada
Produtor Filipa Pato
Safra 2015
Cor do Vinho Amarelo Palha
Volume 750ml
Uvas Arinto, Bical
Pontuação Não
Temperatura de Serviço 12°C a 14°C
Sugestão de Guarda até 3 anos
Graduação Alcoólica 12,0%
Harmonização Frutos do Mar, Peixes, Saladas
História do produtor

Filipa Pato

 

 

Com formação em Bordeaux, estágios na Argentina, Austrália e França, hoje Filipa Pato lidera o projeto de vinhos autênticos sem maquiagem. Com o conceito que o vinho é uma questão de origem, a enóloga procura que os vinhos demonstrem a forte identidade com o local onde são produzidas as uvas, com um refinamento que atrai o consumidor internacional. Não quero ter um vinho que se confunda com outro do Novo Mundo, por exemplo, diz Filipa. Hoje o vinho feito por enólogas está na moda em Portugal, num universo, até há pouco tempo dominado por homens. A qualidade esta quase sempre acima da média, e o reconhecimento, pelo menos para Filipa veio rápido, com suas maravilhas da Bairrada.

Deixe seu comentário